CONHEÇA NOSSA LOJA!
PMA conclui os serviços de proteção do canal da Gonçalo Rollemberg

[vc_row][vc_column width=”2/3″][vc_column_text]Motoristas, pedestres e moradores da avenida Gonçalo Rollemberg podem dormir mais tranqüilos a partir de agora. O canal, que corta a avenida e que foi durante muito tempo sinônimo de perigo para a comunidade, já está totalmente protegido pelas muretas de concreto. Para isso, foram colocadas grades de proteção em guarda-corpo feita com concreto armado no canal da avenida Gonçalo Rollemberg, da rua Riachuelo até a rua Propriá, além do trecho que fica entre a avenida Anísio Azevedo e a rua Lagarto.
A Prefeitura de Aracaju, através da Emurb – Empresa Municipal de Obras e Urbanização -, investiu com recursos próprios algo em torno de R$ 122 mil para execução dos serviços, que iniciaram em agosto deste ano. Conforme o diretor-presidente da Emurb, engenheiro Antônio Sérgio Ferrari Vargas, as obras são um investimento que o prefeito Marcelo Déda faz para dar maior segurança aos motoristas da região, evitando acidentes e possíveis quedas dentro do canal.
Com a finalização dos serviços de proteções no canal, os comentários da população dão conta de que a Prefeitura de Aracaju está atenta para os problemas da cidade. “Vejo esta obra como valiosa para a comunidade do bairro, pois o canal era abandonado e havia até o risco de alguma criança ou mesmo automóvel caírem dentro”, observa Maria Cândida dos Reis, aposentada.
O taxista João Dias disse que o canal da avenida Gonçalo Rollemberg está mais protegido e mais atrativo com a construção da proteção em guarda-corpo. “Havia uma parte do canal que era quase rente ao meio-fio, trazendo sérios riscos de alguma pessoa cair. Agora a avenida está mais bonita, e, principalmente, mais segura”.
Além de oferecer mais segurança aos motoristas e pedestres, a prefeitura se preocupou em colocar mais passarelas para as pessoas que precisam passar de um lado a outro da avenida com mais segurança. Segundo o coordenador de obras da Emurb, Valmor Barbosa, serão colocadas barras metálicas nestas passarelas e alguns pontos do canal serão arborizados. “Eu passo por aqui todos os dias para levar meu filho à escola e tinha que andar uns cem metros para cruzar a avenida. Agora está bem melhor e mais seguro porque não preciso andar tanto”, afirmou Selma Dias dos Santos, de 43 anos.
“Já vi vários acidentes próximos ao canal e sempre pedi a Deus para que não acontecesse mais e eu não presenciasse os acidentes que eram comuns por aqui. Agora estou mais tranqüila e posso dormir com tranqüilidade”, disse a moradora Maria da Glória Barreto.[/vc_column_text][/vc_column] [vc_column width=”1/3″][vc_column_text] [/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Comentários desabilitados