CONHEÇA NOSSA LOJA!

[vc_row][vc_column width=”2/3″][vc_column_text]Na madrugada de hoje, 30, a Coordenadoria de Vigilância Sanitária (Covisa), da Secretaria Municipal de Saúde apreendeu 1.400 kg de carne clandestina que estava sendo comercializada na feira livre do conjunto Castelo Branco, em Aracaju. O produto estava sem o selo do Serviço de Inspeção Federal (SIF), portanto sem origem de abate comprovada.

Fizeram parte da inspeção, representantes da Covisa, da vigilância sanitária estadual, da Polícia Militar de Sergipe e ainda da Emdagro. As fiscalizações em feiras da cidade foram intensificadas por ordem do Ministério Público Federal, determinando que toda carne comercializada deve ter o selo de inspeção federal como comprovante da qualidade do produto.

Quando não inspecionada, a carne consumida pode trazer prejuízos à saúde humana, já que não se sabe em que condições o animal foi abatido e se este estava saudável quando sacrificado.[/vc_column_text][/vc_column] [vc_column width=”1/3″][vc_column_text] [/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Comentários desabilitados