CONHEÇA NOSSA LOJA!
Polícia Militar confirma tranqüilidade do Forró Caju 2005

[vc_row][vc_column width=”2/3″][vc_column_text]Pequenos delitos e prisões devido à embriaguez. Estes foram os registros da Polícia Militar nos 13 dias de Forró Caju 2005. Por considerar o tamanho do evento, o saldo segundo a PM é positivo, principalmente porque não tiveram vítimas fatais ou acidentes que envolvessem maiores proporções.

A segurança daqueles que compareceram ao Forró Caju foi garantida por um efetivo de 151 homens, distribuídos nas áreas da praça de eventos Hilton Lopes e adjacências (periféricos). Nas ruas de acesso ao evento, policiais mantiveram patrulhas utilizando motos e cavalos. O tenente Genilson Alves Souza, coordenador dos trabalhos nesta última noite do evento, confirmou que o Forró Caju 2005 foi realizado com tranqüilidade. “Não tivemos acidentes se configurando em pessoas feridas ou assassinadas”.

O tenente Souza esclareceu que a Polícia Militar detectou apenas confusões provenientes de excessos na ingestão de bebidas alcoólicas e pequenos delitos. Contudo, o número de pessoas que perderam documentos foi elevado. O oficial da PM informou que perderam seus documentos podem resgatá-los a partir de hoje, no Quartel Central, sediado na rua Itabaiana.

No que se refere à violência, o tenente da Polícia Militar disse que este ano foi muito mais tranqüilo, se comparado ao ano passado. “Afirmamos que a violência no Forró Caju foi reduzida em 30% em 2005”.

Este ano, a Polícia Militar montou xadrezes específicos para homens, mulheres e menores. “Aqueles que foram presos por embriaguez e pequenos delitos foram liberados a cada término de noite”, comentou, acrescentando que somente duas pessoas foram conduzidas à delegacia.[/vc_column_text][/vc_column] [vc_column width=”1/3″][vc_column_text]

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Comentários desabilitados