CONHEÇA NOSSA LOJA!
Projeto da prefeitura será destaque no Programa Espaço Criança Esperança da Rede Globo

[vc_row][vc_column width=”2/3″][vc_column_text]O projeto Intervenção Articulada no Centro Comunitário Berenice Campos, localizado no bairro Porto Dantas, será exibido no Programa Espaço Criança Esperança da Rede Globo, que vai ao ar aos sábados antes do Jornal Nacional.
Durante a manhã de hoje, 31, a equipe da Produtora TV1 que é contratada pela Rede Globo para mostrar ao Brasil para onde vai o dinheiro arrecado no show do Criança Esperança esteve no Porto Dantas. Lá a equipe composta pela jornalista Rose Khusala, a produtora Kátia Placiano, o câmera Pascoal e seu assistente acompanharam como é o atendimento feito às crianças de 0 a 6 anos no local.
Dentre as atividades selecionadas para serem mostradas a todo o país estão a escovação dos dentes, as brincadeiras de rodas, a musicalidade, a hora do lanche, o banho e o desenho livre. Essas são algumas das atividades pedagógicas executadas pelo projeto Intervenção Articulada.
Essa ação da Rede Globo acontece desde o ano passado. “O Criança Esperança existe há 17 anos e o show anualmente mobiliza o Brasil para arrecadar dinheiro, o qual depois é administrado pelo Unicef – Fundo das Nações Unidas para a Infância -, mas até então não se mostrava para onde ele ia. Então desde o ano passado que nós percorremos todo o país para mostrar projetos que deram certo e que contaram com a participação do Unicef”, explicou a jornalista Rose Khusala.
O projeto Intervenção Articulada no Centro Comunitário Berenice Campos foi implementado desde o ano passado e tem como meta articular as políticas públicas para o atendimento às crianças matriculadas na creche do Porto Dantas.
Para a chefe do Departamento da Criança e do Adolescente, Maria Ilza Santos, esse foi um projeto que deu certo. “A ação integrada funcionou neste centro, pois as crianças têm acesso garantido a assistência médica, odontológica e psicopedagógica. A criança é vista como um todo e a partir de atividades como desenho livre, estórias infantis, desenhos animados e musicalidade ela constrói uma nova percepção de mundo”, afirmou Ilza.
A coordenadora do projeto sente-se gratificada. “É muito gratificante ver o seu trabalho inserido numa ação que deu certo e ainda mais sendo apresentado em rede nacional”, concluiu a coordenadora do projeto, Ângela Bezerra.
Esse projeto é fruto de uma parceria entre a Prefeitura de Aracaju através das secretarias de Assistência Social, Educação, Saúde e Fundat – Fundação Municipal do Trabalho. Participam também o Unicef e a Ong Sosepe – Sociedade Sergipana de Pediatria.[/vc_column_text][/vc_column] [vc_column width=”1/3″][vc_column_text] [/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Comentários desabilitados