CONHEÇA NOSSA LOJA!
Prefeitos sergipanos se reúnem para fortalecer as etapas municipais da Consocial

[vc_row][vc_column width=”2/3″][vc_column_text]

Prefeitos e representantes dos municípios da Barra do Cotinguiba, do Vale do Japaratuba (Ambarco) e da região Centro-Sul (Amurces) de Sergipe se reuniram nesta segunda-feira, 31, no auditório da Associação dos Engenheiros Agrônomos do Estado de Sergipe (Aease) para fortalecer as etapas municipais da 1ª Conferência sobre Transparência e Controle Social (1ª Consocial).

Na oportunidade, o Governo do Estado, através da Controladoria Geral do Estado (CGE) e demais órgãos que integram a Coordenação Executiva Estadual (CEE) da Conferência, além da Controladoria Geral da União (CGU/SE), reforçou a importância do engajamento de cada gestor para garantir o sucesso da Consocial em Sergipe. Segundo o presidente da Amurces e prefeito de Poço Verde, Antônio da Dórea Fonseca, o Tonho de Dorinha, é importante que cada gestor municipal participe ativamente de todas as etapas da Conferência, inclusive das reuniões preparatórias.

“Hoje foi a chance daqueles prefeitos que ainda não realizaram a Consocial entenderem melhor como funciona todo o processo e como a Conferência poderá influenciar no desenvolvimento de cada município. Foi também uma boa oportunidade de nós, gestores, nos aproximarmos dos órgãos de controle do Estado e adotarmos uma gestão que preze pela transparência pública”, afirmou Tonho de Dorinha.

O presidente da Ambarco e prefeito da Barra dos Coqueiros, Gilson dos Anjos, também compartilha da afirmação do presidente da Amurces e acrescenta que a Consocial já é uma realidade nos municípios sergipanos.

“O Estado tem demonstrado interesse em ajudar os municípios promovendo esses treinamentos e reuniões públicas. Nós da Ambarco, estamos apresentando aos prefeitos da nossa região, a importância de realizar a Conferência para garantir a participação da sociedade na administração pública. Hoje, o que se fala no mundo inteiro diz respeito à transparência pública e ao controle social, e o povo de Sergipe não pode ficar de fora deste processo”, observou Gilson.

Prefeituras

Ao longo da reunião, estiveram presentes prefeitos e representantes de 22 municípios sergipanos, a exemplo de Pedra Mole, São Cristovão, Siriri, Santa Rosa de Lima, Riachão do Dantas, Umbaúba, General Maynard, Boquim, Nossa Senhora das Dores, dentre outros.

De acordo com o prefeito de Itabaianinha, Joaldo Lima, toda a população do município já está sendo chamada para participar da Conferência municipal, agendada para o dia 24 de novembro deste ano. Ele disse que a reunião com as Associações possibilitou uma maior interação com outros prefeitos e uma maior conscientização para a melhoria da qualidade das políticas públicas.

“As abordagens que a Consocial oferece devem ser praticadas diuturnamente. Já estamos nos empenhando para o estímulo da participação da sociedade ao longo de toda a Conferência. Acredito que tivemos um maior esclarecimento sobre a importância da Consocial, criando uma estruturação melhor para a realização de nossa etapa municipal”, avaliou o prefeito.

O secretário-chefe da CGE e Presidente da 1ª Consocial/SE, Adinelson Alves, acredita que a reunião com as Associações de municípios sergipanos, representa um acolhimento por parte dos prefeitos municipais, ao chamamento do Governo de Sergipe, para que possam compreender melhor a importância da Consocial.

“Os gestores municipais devem compreender melhor qual a relevância deste evento, que tem como intenção criar na sociedade a consciência da legitimação da atividade política. Hoje vivemos um momento em que se discutiu o exercício da cidadania, a gestão pública participativa e a criação de um movimento nacional em defesa do patrimônio público e do fortalecimento da democracia”, observou Adinelson Alves.

[/vc_column_text][/vc_column] [vc_column width=”1/3″][vc_column_text] [/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Comentários desabilitados