CONHEÇA NOSSA LOJA!
Obra em homenagem a Marcelo Déda é iniciada no Parque da Sementeira

Nesta quarta-feira, 11, dia em que o ex-governador Marcelo Déda estaria completando 55 anos de vida, teve início a construção de um monumento em sua homenagem no Parque Governador Augusto Franco (Sementeira). O projeto surgiu a partir de um desejo manifestado pelo ex-governador ainda em vida, quando ele pediu para que suas cinzas fossem distribuídas em três partes. Uma deveria ficar com a família, outra deveria ser jogada no mar e a terceira parte deveria ser depositada próximo a árvore da espécie Pau Brasil plantada, no ano de 2005, por ele e pela ex-primeira dama Eliane Aquino durante um evento que marcou a implantação do Bosque do Sesquicentenário de espécies tropicais no Parque.

Para Eliane Aquino o monumento representará não só a realização do desejo do ex-governador Marcelo Déda, mas também a possibilidade de propiciar aos sergipanos um espaço em que possam conhecer um pouco mais sobre sua própria história. “A história do homem Marcelo Déda está fortemente entrelaçada com a do estadista, com as memórias do jovem sonhador que começou sua luta pela democracia ainda nos movimentos estudantis e que conseguiu alcançar o mais alto posto do Poder Executivo estadual. Isso sempre pensando no povo que ele tanto amou e de quem nunca se esqueceu, mesmo nos momentos mais difíceis que atravessou”.

Eliane explica ainda que o início das obras nesta data foi uma grata surpresa. “Há pouco mais de um ano buscamos concretizar esse que foi um dos últimos pedidos de Marcelo. Ontem, dia 10, recebi a notícia de que as obras seriam iniciadas hoje. Não planejamos esse início para esta data, mas acho uma coincidência bastante feliz. A construção desse monumento vai além da concretização do desejo de Marcelo. O projeto busca propiciar não só um local adequado para depositar suas cinzas, mas um espaço de contemplação e de perpetuação da sua história e do seu legado, marcado especialmente por sua integridade e grandes ideais. No dia do aniversário de Marcelo, temos a satisfação de afirmar que esse monumento também será um presente para os sergipanos. Manter viva a história de Marcelo é manter viva a própria história de Sergipe”.

A construção conta com a parceria do Instituto Banese e o apoio da Prefeitura Municipal de Aracaju, que assinou junto ao Instituto Marcelo Déda, no último dia 13 de fevereiro, o Termo de Outorga de Cessão de Uso para a construção do monumento. A previsão é que a obra seja concluída em quatro meses.

Obras na Sementeira foram iniciadas nesta quarta, 11

Obras na Sementeira foram iniciadas nesta quarta, 11

Comentários desabilitados