CONHEÇA NOSSA LOJA!
A Vida de Marcelo Déda

 

      • Mar 11, 1960

        Nascimento

        Na Rua Cônego Andrade, 182, cidade de Simão Dias, Sergipe, nasce Marcelo Déda Chagas, filho de Manoel Celestino Chagas e Zilda Déda Chagas.
      • circa 1969

        Vida em Simão Dias

        A família muda-se para a capital, Aracaju, em busca de novas oportunidades. O garoto permanece em Simão Dias, onde vive com a “Tia Eunice”, cuja memória ele evocará diversas vezes, enquanto aguarda a chance de estudar em Aracaju.
      • circa 1973

        Mudança para Aracaju

        A família reúne-se e Marcelo Déda inicia sua fase de estudos no Colégio Estadual Atheneu Sergipense, que finaliza no Colégio Estadual 8 de Julho.
      • circa 1975

        A Descoberta do Mundo da Leitura

        Com o Avô, Zeca Déda, nas idas constantes a Simão Dias, o jovem Marcelo Déda descobre o mundo da leitura, que recordará com saudoso reconhecimento em vários momentos da vida.
      • 1977

        O Atheneu

        Inicia o segundo grau no Colégio Estadual Atheneu Sergipense. Era, à época, o melhor colégio de Sergipe. Lá, inicia sua militância política no movimento estudantil secundarista, lutando contra a ditadura militar. Estudará artes, dedica-se ao cinema amador, mas experimenta o teatro, a pintura e a poesia.
      • circa 1978

        Militância Cultural e Política

        Jovem inquieto, preocupa-se com a política e posiciona-se contra o autoritarismo militar ainda vigente. Inicia atividades de militância estudantil no movimento secundarista e se aplica ao estudo e prática do cinema amador.
      • 1979

        Da Militância Estudantil à Formação do PT

        Antes mesmo do ingresso no curso superior, começam as atividades de formação do PT – Partido dos Trabalhadores.
      • 1980

        Vida Acadêmica: curso de Direito na UFS

        Aprovado nos primeiros lugares para o curso de Direito da Universidade Federal de Sergipe. Intensifica sua participação no movimento estudantil através do DCE – Diretório Central de Estudantes da UFS. Na época, o movimento estudantil era um dos focos da resistência ao regime militar, que vivia seus estertores. Nesse mesmo ano, presta concurso e ingressa nos quadros do CREA – Conselho Regional de Engenharia e Arquitetura.
      • 1981

        Cinema e Política

        Marcelo Déda usa a câmara e os ensinamentos do cinema amador para auxiliar a atividade política: filma a vinda de Lula a Sergipe, em 1981 e movimentos sociais, como a resistência dos posseiros na Fazenda Santana dos Frades.
      • 1982

        Primeira Candidatura

        Em 1982, na primeira eleição com a participação do PT, Déda foi lançado candidato a deputado estadual. Obteve apenas 300 votos. 
      • 1984

        Comício das Diretas

        Em 1984, engaja-se na campanha das Diretas e participa de comícios em todo Estado. No dia 26 de fevereiro de 1984, em um comício com mais de 30 mil pessoas em Aracaju, onde estiveram Lula e Ulisses Guimarães, Déda faz sucesso como apresentador do ato.
      • 1985

        Candidato a Prefeito de Aracaju

        O PT lança Deda para prefeito, que acaba a campanha em segundo lugar com 19 mil votos, um enorme êxito para as condições adversas da campanha.
      • 1986

        Candidato a Deputado Estadual

        Em novas eleições, Marcelo Déda é eleito deputado estadual com mais de 32 mil votos, uma votação recorde em Sergipe. 
      • 1990

        Derrota para Deputado Estadual

        Nas eleições seguintes, obtém menos de dez por cento dos votos da eleição anterior e amarga sua maior derrota eleitoral.
      • 1994

        Eleito Deputado Federal

        Candidato, sempre pelo PT,  à Câmara Federal, foi eleito  com 26 mil votos, o último de uma bancada de oito. 
      • 1998

        Novamente Deputado Federal

        Em 1998, com 83 mil votos, alcança a segunda maior votação proporcional do Brasil.
      • 2000

        Candidato a Prefeito de Aracaju

        O Partido decide lançá-lo candidato a Prefeito. Ganha a eleição no primeiro turno, com 52,80% dos votos válidos, ao lado do vice-prefeito Edvaldo Nogueira.
      • 2003

        Candidato à reeleição para Prefeito de Aracaju

        Vence de novo primeiro turno, com 71,380% dos votos válidos, de novo tendo como vice-prefeito Edvaldo Nogueira.
      • 31 de março de 2003

        Renuncia ao cargo de Prefeito de Aracaju

        Para poder ser candidato a Gvernador, deixa a Prefeitura de Aracaju.
      • 2006

        Candidato a Governador

        Obtém a vitória ainda no primeiro turno, com 52,48% dos votos válidos, tendo como vice-governador Belivaldo Chagas, do PSB.
      • 2010

        Candidato à reeleição como Governador

        Obtém de novo a vitória ainda no primeiro turno, tendo como vice-governador Jackson Barreto, pelo PMDB.
      • 2/12/2013

        Falece, em São Paulo

        No Hospital Sírio Libanês, após uma dolorosa luta contra o câncer, Marcelo Déda vem a falecer.