CONHEÇA NOSSA LOJA!

[vc_row][vc_column width=”2/3″][vc_column_text]

A Orla de Atalaia será palco de uma competição que chega para inovar e movimentar a cena esportiva sergipana. Na próxima sexta-feira e sábado, 2 e 3 de abril, acontecerá nas quadras da Orla de Atalaia, a I Copa Nova Schin Hóquei in Line que, ao reunir quatro equipes de diferentes estados do Nordeste, visa proporcionar integração aos praticantes da modalidade e despertar o interesse de novos adeptos. A realização conta, ainda, com o apoio da Secretaria de Estado do Esporte e do Lazer (Seel), além da participação da Prefeitura Municipal de Aracaju.

O hóquei in line é uma modalidade muito parecida com sua versão original, praticada no gelo. Mas essa vertente, onde os atletas jogam sobre patins em quadras de cimento e tem a mesma finalidade da prática glacial – fazer gols com o disco – ainda é uma opção esportiva de alto custo no Brasil. Segundo a diretora comercial da equipe Aracaju Fênix, única da modalidade no estado, Lúcia Magalhães, o fato de os equipamentos serem de difícil acesso, dificulta a difusão do esporte. “Até para quem já lida com a modalidade há muito tempo fica difícil comprar material. Tudo vem de fora do país e com um preço muito alto. Daí a difícil procura pelo hóquei in line. Nem todos têm condições de se manter praticando”, explicou.

Superando essas e outras dificuldades, para a competição em Aracaju virão três equipes de fora do estado: a Carcará da Paraíba, a Salvador Blades da Bahia e a Vento Norte, também da Bahia. Espera-se, ainda, um público de cerca de 500 pessoas por dia, uma estimativa grande, mas possível. “Temos trabalhado muito na divulgação desse evento e creio que o povo vai corresponder, não só por ser uma grande competição, mas também pelo fato de esta ser uma modalidade diferente e interessante”, disse Lúcia Magalhães.

A realização da Copa também visa a solidificação da equipe local e a adesão de mais atletas, tudo isso a fim de que até o mês de setembro, quando acontece o Campeonato Brasileiro na cidade de São Paulo, Sergipe já tenha uma federação consolidada, capaz de representar o estado na grande competição. “Ainda temos muito a fazer e muitos novos atletas a conquistar, mas nada é impossível. Sem contar que já temos garantido o apoio do Governo do Estado em todas as futuras realizações”, ressaltou a diretora, dando destaque à parceria feita com a Seel.

[/vc_column_text][/vc_column] [vc_column width=”1/3″][vc_column_text] [/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Comentários desabilitados