CONHEÇA NOSSA LOJA!
Capacitação promove avanços no consórcio público da gestão do lixo no Agreste Central

[vc_row][vc_column width=”2/3″][vc_column_text]

Dando prosseguimento a formalização do Consórcio Público de Saneamento Básico para os 18 municípios que compõem o Agreste Central Sergipano, a Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh) promoveu na manhã desta quinta-feira, 31, a primeira oficina de capacitação para técnicos que atuarão na Equipe de Apoio à consolidação do consórcio do agreste central. A oficina foi realizada no auditório da Adema.

A região do Agreste Central foi a primeira região a aderir ao processo de formação de Consórcio Público em Sergipe. O ato de consolidação ocorreu no último dia 15 de março, na cidade de Macambira, com a presença do secretário do Meio Ambiente, Genival Nunes, que na oportunidade destacou a importância do consórcio para acabar com os lixões a céu aberto e, consequentemente, beneficiar a população e o meio ambiente.

O advento se deu após a ocorrência de cinco reuniões com os prefeitos das cidades da região e após amplo conhecimento do processo da gestão do lixo através do consórcio, 17 prefeitos acataram a iniciativa, a qual foi oficializada pela aprovação da Câmara de Vereadores de cada município envolvido.

Pinhão

Hoje pela manhã, durante a realização da oficina, a prefeita da cidade de Ribeirópolis, Uita Barreto, recentemente eleita pelos demais prefeitos à presidenta do Consórcio Público da Região do Agreste, trouxe em mãos o documento de adesão e a lei municipal do município de Pinhão. Agora, o consórcio conta com mais um município associado, saindo do número inicial de 17 municípios integrados ao consórcio para 18.

Dos 20 municípios que compõem o território Agreste Central Sergipano, na formatação geográfica para implantação do consórcio Público de Saneamento no Agreste Central, apenas duas cidades não aderiram até o momento ao consórcio. São elas: Divina Pastora e Riachuelo.

Capacitação

De acordo com o superintendente de Educação Ambiental da Semarh, Lício Valério Lima, coordenador do Consórcio Público para o Agreste Central, a formação da Equipe de Apoio tem o papel fundamental de disponibilizar informações para os técnicos das prefeituras.

“A equipe está sendo formada por integrantes de oito municípios que aderiram à criação do consórcio Público. Eles irão promover discussões a respeito da elaboração de documentos e instrumentos de gestão e atuação do consórcio”, explicou.

Lício explicou ainda que a oficina ocorrerá em vários momentos e a próxima já está agendado para o dia 11 de abril, na cidade de Itabaiana.

“Iremos discutir a proposta do estatuto do consórcio, a localização da sede física do consórcio na cidade de Itabaiana e processo de criação do CNPJ do próprio consórcio”, justifica.

[/vc_column_text][/vc_column] [vc_column width=”1/3″][vc_column_text] [/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Comentários desabilitados