CONHEÇA NOSSA LOJA!
Banese investe R$ 99,3 milhões em operações de microcrédito

[vc_row][vc_column width=”2/3″][vc_column_text]

O Banco do Estado de Sergipe (Banese) injetou na economia sergipana, nos últimos cinco anos, R$ 99,3 milhões em operações de microcrédito, modalidade de empréstimo que envolve financiamentos que vão de R$ 300 a R$ 5 mil. As informações foram prestadas nesta sexta-feira, 30, pelo diretor de Crédito de Desenvolvimento do Banco, Edson Caetano, durante o encerramento de um curso de treinamento que envolveu toda a equipe de agentes de negócio e assistentes administrativos que trabalham com as operações do Microcrédito Banese em Aracaju e nos municípios do interior do Estado.

Segundo Edson Caetano, o Microcrédito Banese fechou 63.807 contratos no Estado entre 2007 e março de 2012, beneficiando milhares de pessoas com empréstimos no valor médio de R$ 1.557. “Isso mostra a importância do trabalho de vocês. O Microcrédito Banese tem um papel fundamental na política social do Governo do Estado, porque proporciona renda e qualidade de vida”, disse o diretor durante a solenidade de encerramento do curso, à qual também compareceram o presidente do Banese, Saumíneo Nascimento, e a superintendente do Banese Card, Olga Carvalhaes.

O curso, de acordo com o gerente da Área de Microcrédito do Banese, Ednilson Nunes Góis, teve por objetivo reciclar os conhecimentos dos agentes de negócio sobre as regras e metas do microcrédito. “Tivemos um treinamento intensivo, durante o qual detalhamos o principal papel do agente do Microcrédito Banese, que é ser um conselheiro, um consultor junto ao microempreendedor que está lá na ponta e não tem acesso ao sistema de crédito formal”, disse Ednilson, que atuou como facilitador do curso, juntamente com o supervisor comercial do Banese Card, Franklin Cardoso Leite, e Luciene Macedo, da Área de Gestão de Pessoas do Banese (Agesp).

[/vc_column_text][/vc_column] [vc_column width=”1/3″][vc_column_text] [/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Comentários desabilitados