CONHEÇA NOSSA LOJA!

[vc_row][vc_column width=”2/3″][vc_column_text]

Será realizada na próxima quarta-feira, 7, uma reunião para debater a Lei 6.822, de 8 de abril de 2010, que institui a política estadual de Educação Ambiental. O evento acontecerá na sala de Multimeios da Secretaria de Estado da Educação (Seed), das 9h às 12h, e terá como público-alvo coordenadores pedagógicos e de educação ambiental, superintendentes e representantes da Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh)
 
De acordo com a técnica do Núcleo de Educação da Diversidade e Cidadania (Neac), Maria da Conceição Silva Cruz, a lei traz grandes benefícios para a educação. “O grande ganho é o fato de os professores em regime de classe poderem flexionar os seus horários para exercer suas atividades e projetos sócio-ambientais no âmbito da escola e no seu entorno”, disse.
 
Estará presente também o superintendente de Qualidade Ambiental e Desenvolvimento Sustentável e Educação Ambiental, Lício Valério, além dos técnicos do Neac que respondem pela Educação Ambiental. Um dos objetivos da reunião é divulgar junto aos coordenadores as estratégias para que se faça valer a política de Educação Ambiental, aprovada em 8 de abril de 2010  (Lei 6.822).
 
Com-Vidas
 
Outra pauta da reunião será a implantação da Comissão de Meio Ambiente e Qualidade de Vida nas Escolas (Com-Vidas), em escolas da rede estadual. Serão criadas as comissões em 20 Escolas, abrangendo as redes estadual e municipal de ensino, com o objetivo de elaborar a Agenda 21 Ambiental Escolar, visando assegurar a participação efetiva das comunidades escolar e local nos projetos de intervenção sócio-ambiental.
 
“O objetivo é estimular a reflexão e a visão crítica dos alunos do Ensino Fundamental sobre os problemas ambientais”, disse Conceição. Durante oito meses, os alunos vão participar de atividades contraturno, como pesquisas bibliográficas e de campo; oficinas de Educomunicação, Música; Arte; Papel, aulas expositivas, montagem de áudiovisual, documentações fotográficas, saídas de campo e entrevistas.

[/vc_column_text][/vc_column] [vc_column width=”1/3″][vc_column_text] [/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

Comentários desabilitados